Buscas por casal desaparecido em Angra dos Reis entram no quinto dia; filho faz apelo em rede social | Sul do Rio e Costa Verde

O Corpo de Bombeiros iniciou neste sábado (28) o quinto dia de buscas pelo casal Cristiane Nogueira e Leonardo Machado, que desapareceram no mar de Angra dos Reis (RJ) há quase uma semana.

Ainda na cidade para acompanhar o trabalho de busca, Guilherme Brito, filho da mulher e enteado do homem, fez uma apelo no seu perfil em uma rede social para que as pessoas não divulguem seu telefone.

“Pessoas que conheçam a minha família, que tenham o nosso contato pessoal, não passem para ninguém. É o segundo pedido de resgate que a gente recebe pela manhã, falando que estão com eles [mãe e padrasto]. As pessoas que têm o nosso telefone não passem. Passem o contato da polícia, o contado do Disque-Denúncia”, pediu Guilherme Brito.

O casal foi visto pela última vez no domingo (22) enquanto passava o fim de semana junto em uma casa na Praia da Longa.

Segundo a Polícia Civil, Cristiane Nogueira da Silva, de 48 anos, e Leonardo Machado de Andrade, de 50, tentavam uma reconciliação durante o passeio na cidade. Os dois saíram de barco para ver o por do sol na Lagoa Verde, um dos pontos turísticos mais visitados da Ilha Grande e não foram mais vistos.

Familiares do casal estão em Angra dos Reis desde sexta-feira (27) para acompanhar de perto as buscas e refazer o caminho percorrido pelos dois.

O delegado da cidade, Vilson de Almeida Silva, disse ao G1 que nenhuma linha de investigação foi descartada até o momento.

Um boletim de ocorrência foi aberto na delegacia na terça-feira (24) e as buscas começaram no mesmo dia, mobilizando equipes da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros, da prefeitura de Angra dos Reis e da Marinha do Brasil.

Além de embarcações, um helicóptero também já foi usado na tentativa de localizar o barco. No entanto, ainda não há nenhuma pista concreta sobre o paradeiro do casal.

+ Veja o que se sabe até agora sobre o caso

População pode ajudar com informações

Quem tiver informações que possam ajudar a polícia pode ligar para os telefones 185, número para emergências marítimas e pedidos de auxílio, (24) 3365-3355, diretamente com a delegacia de Angra dos Reis, ou enviar e-mail para [email protected]

Também é possível passar informações através do Disque Denúncia, pelo telefone 0300-253-1177, ou pelo aplicativo “Disque Denúncia RJ”. O anonimato é garantido.

Artigo Original

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
0
Sua opinião é importante para nós! ❤x
()
x